POLÍCIA Quarta-feira, 25 de Outubro de 2023, 14:53 - A | A

25 de Outubro de 2023, 14h:53 - A | A

POLÍCIA / POLÍCIAS CIVIS MT E GO

Operação Fake Farmer contabiliza 39 presos por fraudes em negociações agropecuárias

Dois alvos da operação tiveram mandados cumpridos nesta quarta-feira (25) após se apresentarem na delegacia

PJC-MT E GO



Mais duas pessoas, investigadas por participação em crimes de fraude eletrônica em negociações agropecuárias e alvos da Operação Fake Farmer, tiveram mandados de prisão cumpridos pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (25.10), após se apresentarem na Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá.

Com a prisão dos investigados, a operação já totaliza 39 pessoas presas, sendo 38 por mandados de prisão e uma por flagrante.

A Operação Fake Farmer foi deflagrada, na terça-feira (24), pela Polícias Civis de Mato Grosso e de Goiás para combate a uma associação criminosa envolvida com fraude eletrônica em negociações agropecuárias.

O trabalho investigativo, realizado pela Polícia Civil de Goiás, tem como alvo uma associação criminosa instalada em Mato Grosso, que atua de maneira especializada com o golpe do falso intermediador em transações de compra e venda de gado, que envolvem valores elevados e exploram muita das vezes a precariedade do sinal de internet nas zonas rurais, onde parte da negociação é desenvolvida.

Além dos mandados de prisão e de busca e apreensão, a operação deu cumprimento ao sequestro judicial de R$ 1,5 milhão e o bloqueio de mais de 830 contas bancárias ligadas aos investigados.

O setor agropecuário responde por grande parte da economia da região Centro-Oeste, motivo pelo qual as investigações desta modalidade de crime têm sido intensificadas.

Entre no grupo do Semana7 no WhatsApp e receba notícias em tempo real (Clique AQUI). 

Hotel Natal

 



Comente esta notícia