VARIEDADE Sexta-feira, 13 de Outubro de 2023, 13:27 - A | A

13 de Outubro de 2023, 13h:27 - A | A

VARIEDADE / CULTURA

Prêmio Culturas Indígenas - Vovó Bernaldina recebe inscrições até 16 de outubro

Com a nova data, agentes culturais, grupos e coletivos indígenas têm até segunda-feira (16) para fazer a inscrição

Agência do Rádio



O Ministério da Cultura prorrogou o prazo de inscrição para o Prêmio Culturas Indígenas - Vovó Bernaldina. Com a nova data, agentes culturais, grupos e coletivos indígenas têm até a segunda-feira, 16 de outubro, para fazer a inscrição pelo site mapas.cultura.gov.br ou por via postal.

A premiação faz parte do Edital Cultura Viva - Sérgio Mamberti,  lançado pelo Ministério da Cultura, que  está investindo R$ 33 milhões em prêmios para diversas iniciativas culturais em todo o Brasil, e que teve o seu prazo de inscrição prorrogado para a mesma data.

O Prêmio Culturas Indígenas- Vovó Bernaldina vai distribuir 110 prêmios, no valor de R$ 30 mil cada, como reconhecimento da relevante contribuição das iniciativas culturais realizadas por agentes culturais, grupos e coletivos indígenas, formados espontaneamente pelos membros da própria comunidade indígena que não possuem cnpj e a instituições privadas sem fins lucrativos, com cnpj, que se envolvem diretamente com esse público.

A diretora de Promoção da Diversidade Cultural, Karina Gama, explica que o Prêmio Culturas Indígenas tem por objetivo valorizar as identidades e preservar os saberes ancestrais e tradicionais, com a promoção da inclusão e da visibilidade dos povos indígenas na sociedade e a amplificação das vozes de diferentes povos em todo o Brasil.

"Estou passando aqui para falar um pouquinho sobre o Prêmio Culturas Indígenas - Vovó Bernaldina, que está com inscrições abertas até 16 de outubro e é um prêmio muito importante para o ministério, que busca valorizar as culturas indígenas, reconhecendo a sua relevância histórica e o seu papel fundamental na nossa sociedade. Especificamente falando do Prêmio Culturas Indígenas, Vovó, Bernaldina, são cento e dez premiações no valor de trinta mil reais. Então, a gente está premiando iniciativas que falem sobre as culturas indígenas, que tragam a questão da alimentação indígena, arquitetura, indígenas, o artesanato, as artes visuais, as ações de formação e transmissão de conhecimentos, que tragam a questão da oralidade, da religiosidade, os rituais, as festas. Então, a gente está falando sobre culturas indígenas. Então, todo esse arcabouço que envolve a questão das culturas, que permeiam diversos eixos, estão sendo contemplados neste edital. As inscrições, podem ser feitas por grupos e coletivos culturais, que precisam apresentar uma autodeclaração, e por instituições sem fins lucrativos. Nós temos então essas duas categorias de inscrições. Ao todo, cento e dez prêmios, e trinta mil reais por prêmio. As inscrições devem ser feitas no mapas.cultura.gov.br e, também, são aceitas inscrições, que podem ser enviadas por correios, elas podem ser físicas. Então, a pessoa imprime o formulário, responde às questões. E ela pode ser feita por meio oral, ou seja, você pode gravar um vídeo subir na plataforma ou nos enviar por meio de um pendrive, por exemplo. Mais informações você pode obter no site mapas.cultura.gov.br".

Saiba quem foi a Vovó Bernaldina
O prêmio homenageia a liderança indígena Bernaldina José Pedro, da Comunidade Maturuca da Terra Indígena Raposa Serra do Sol, em roraima. A indígena era considerada mestra da cultura macuxi e possuía conhecimentos milenares do povo indígena, como cantos, danças, artesanatos, medicina tradicional e rezas. Vovó Bernaldina faleceu em junho de 2020, aos 75 anos, vítima da covid.

Fique atento a todas as regras previstas no edital no sistema mapa da cultura e participe.

O Prêmio Culturas Indígenas - Vovó Bernaldina do Edital Cultura Viva – Sérgio Mamberti é uma realização do Ministério da Cultura por meio da Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural (SCDC).



Comente esta notícia