CIDADES Quinta-feira, 29 de Junho de 2023, 16:21 - A | A

29 de Junho de 2023, 16h:21 - A | A

CIDADES / PREVENÇÃO

Parque Estadual da Serra Azul e APA Pé da Serra intensificam monitoramento para evitar incêndios florestais no período de seca

Fiscalização é realizada por meio da sala de monitoramento, que possui câmeras que foram dispostas de forma estratégica nas regiões de maior risco

Arielly Barth | Sema/MT



Equipes de vigilância e servidores do Parque Estadual da Serra Azul e da Área de Proteção Ambiental Pé da Serra, localizados em Barra do Garças (520 km de Cuiabá), intensificaram as ações de monitoramento para o controle de incêndios florestais no período de seca.

A fiscalização é realizada por meio da sala de monitoramento, que possui câmeras que foram dispostas de forma estratégica nas regiões de maior risco. Os equipamentos permitem a verificação de qualquer possível foco de calor, possibilitando o acionamento do Corpo de Bombeiros de forma imediata. Neste período de estiagem, as ações de vigilância acontecem em tempo integral.

Cristiane Schnepfleitner, gerente do Parque Estadual da Serra Azul, explica que a unidade de conservação está localizada em uma area de serra, o que facilita a propagação de incêndios. Por isso, exige atenção redobrada no período de estiagem.

“O monitoramento é muito importante. É o passo pilar da proteção de qualquer unidade de conservação e permite antecipar os riscos de danos, especialmente neste período de seca, permitindo uma resposta em tempo hábil para a contenção e combate dos focos de calor, chegando à responsabilização”.

Para realizar o monitoramento, a gestão conta com o apoio do Corpo de Bombeiros, Ministério Público Estadual (MPE), Fundo Brasileiro Para a Biodiversidade (Funbio) e da empresa Infobarra.

*Texto com supervisão de Renata Prata

 

Entre no grupo do Semana7 no WhatsApp e receba notícias em tempo real (Clique AQUI).

Dengue BG


Comente esta notícia