GERAL & ECONOMIA Quinta-feira, 01 de Abril de 2021, 17:51 - A | A

01 de Abril de 2021, 17h:51 - A | A

GERAL & ECONOMIA / Campanha de imunização

TCE-MT notifica 64 municípios por atraso na vacinação e dá 48h para providências

A recomendação é que os municípios intensifiquem a vacinação dos grupos prioritários e que os gestores atualizem o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), com o total de doses aplicadas

RD NEWS



O Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), por meio da Secretaria de Controle Externo (Secex) de Saúde e Meio Ambiente, notificou 64 municípios que estão atrasados na aplicação de vacinas contra Covid-19. Na lista do locais onde há o atraso estão Nossa Senhora do Livramento que teria aplicado apenas 14% das doses recebidas e Várzea Grande que aparece com percentual de apenas 35%. Os municípios têm 48 horas para apresentar um plano de providências.

O levantamento feito pelos técnicos do TCE levou à elaboração de uma nota de fiscalização onde a Secex recomenda que os municípios intensifiquem a vacinação dos grupos prioritários elencados nos planos de vacinação contra a Covid-19. Para acelerar a imunização, devem ser realizados mutirões nos fins de semana, ampliação dos locais de vacinação e funcionamento dos postos em horário estendido, além de sistema itinerante de aplicação das doses nas regiões onde se encontram os grupos prioritários.

O assunto já havia sido adiantado em matéria do RD News que apontou discrepância de 164 mil doses entre o que o Governo Federal afirma ter enviado e o que consta como aplicado do imunizante. Ainda ontem (31), o governador Mauro Mendes (DEM), fez um apelo aos prefeitos que agilizem a vacinação.

Outra recomendação do TCE foi para que os municípios coloquem as informações no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), em até 24 horas. Isso porque um dos problemas apontandos para o atraso seria a demora em atualizar os dados. Confira a Nota do TCE-MT com a lista dos 64 municípios em anexo no fim desta matéria.

(Com Assessoria)

Anexos



Comente esta notícia